Homem-Aranha: De volta ao lar não é sobre o Homem-de-Ferro

Por Bianca Cardeal | Revisão Danielle Sodré

 

Chegou a hora de um dos mais esperados filmes de herói da Marvel: Homem-aranha: De Volta ao Lar, que estreia no dia 06 de julho de 2017nos cinemas. Diferentemente do que a publicidade nos mostrou, o filme do aracnídeo não gira em torno de Tony Stark (Homem de Ferro), contando uma estória bastante plausível para um garoto de 15 anos com superpoderes e senso de moral e justiça.

Como o personagem dispensa apresentações (cinco adaptações cinematográficas), o filme parte direto para o que interessa: contar uma estória ligada ao universo Marvel das telonas. A película inicia-se com cenas de acontecimentos pós-invasão alienígena (Vingadores 1) e segue com flashbacks da Guerra Civil pela visão dos bastidores através dos olhos do jovem Peter Parker, contextualizando o filme do Aranha com o universo e amarrando pontos importantes para a construção e desenvolvimento do enredo de Homecoming. E toda a trama se desenrola muito bem, mostrando o cotidiano escolar de Peter concomitantemente à sua “vida heróica” na cidade de Nova Iorque.

A escolha do elenco foi muito feliz, do protagonista (Tom Holland) aos coadjuvantes e vilões (Michael Keaton ficou excelente no papel de Abutre!). Todos se entendem muito bem em cena. Muitos questionaram sobre a necessidade de Robert Downey Jr. na estória, mas ele aparece em poucos momentos do filme e, ainda assim, todas as suas aparições são justificadas e necessárias à trama – o que só enriqueceu a construção da trama e do nosso querido Spidey.

Algumas falhas técnicas são visíveis, mas nada que já não tenha acontecido em filmes do gênero (aquele errinho báááááásico de continuidade…); outros poderão criticar a quantidade de piadas e cenas cômicas no filme, mas… esse não é um dos traços mais marcantes do Aranha? Sempre bom lembrar a idade de Peter neste filme: 15 anos. FELIZMENTE nos pouparam de mais uma morte do tio Ben, o que ajuda a dinamizar os acontecimentos do filme.

Como já esperávamos, o filme apresenta duas cenas pós-créditos, sendo a primeira relevante para a continuidade da trama e a segunda sem a menor conexão com quaisquer outros filmes, mas que pode render alguns risos ao espectador. A película é bem divertida e pode ser vista e entendida por qualquer pessoa, mesmo para quem nunca tenha assistido qualquer filme do já citado universo. Diversão garantida!

Nota: 4/5 dados.

 

[su_youtube url=”https://www.youtube.com/watch?v=73-A6_e3T6g”]

[su_youtube url=”https://www.youtube.com/watch?v=2x-2iYxgMFU”]

Bianca Cardeal
About Bianca Cardeal 16 Articles
Médica Veterinária, entusiasta do projeto Zero Dawn, chefe do P&D da Capsule Corp e a única Luffana que tornou-se Griffana em toda a história de Hogwarts.

Be the first to comment

Leave a Reply

Seu e-mail não será publicado.